Tuesday, April 19, 2011

Para os dias em que perdemos a alma.

Em dias que perdemos a alma, tudo estará em tons de cinza, mesmo que o dia esteja ensolarado e o céu esteja no pantone certo para um dia feliz. Em dias que perdemos a alma, faremos uma playlist para que as mais simples ações do dia, se tornem cenas de filmes franceses que ninguém entendeu.

Existem dias em que acordamos sem alma, em que as coisas não darão certo mas que ainda assim teremos que sair e viver.

Em dias em que perdemos a alma, não devemos nos olhar no espelho (mesmo que seja o seu espelho; em tempo: olhe-se apenas em um espelho e em nenhum outro. em casos de emergência procure uma boa luz). Ao nos olharmos no espelho em um dia sem alma, nos veremos gordos e carecas, magras demais, sem brilho demais....

Em dias que perdemos a alma, não é elegante fazer ligações telefônicas ou nos encontrarmos com pessoas. Caso não haja a possibilidade de ficar sozinho, opte por um bom playback, um sorriso não exagerado, mas também não muito falso. Não fale nada, apenas acene. Não seja mal educado, diga que está com dor de cabeça, se te oferecerem uma pílula engula, mesmo sem saber exatamente qual é e para que serve.

Não bastasse estar gordo e careca em dias assim nós provavelmente vamos bater o joelho na quina de um móvel ou tropeçar, logo quando as coisas pareciam melhorar, geralmente em local público e movimentado.

Dica: Caso você sinta uma súbita vontade de tomar uma cerveja, um picolé de limão, ou comer um brigadeiro com granulados coloridos (não tem nada que me deixe mais feliz do que brigadeiro com granulado colorido) não resista. Em dias assim, é comum encontrarmos pedacinhos de alma e de paz em pequenas coisas como esta, ou mesmo em uma canção que você sempre adorou, mas não sabia que era da Janet Jackson e agora sabe. Isso é bom.

Dias assim não duram muito. Provavelmente amanhã já estaremos melhores. Se pensamentos ruins passarem pela sua cabeça pare e respire. Se amanhã não estiver melhor descanse. Se não adiantar se acalme. Se não fizer efeito procure um medico e se ainda assim não der resultado, sinta-se a vontade.

Acho que talvez Deus não fique com raiva. Mas lembre-se sempre de tentar o brigadeiro (ou seja lá o que fizer sentido para você).

DN

3 comments:

ISA said...

Pelo menos, quando se perde a alma, escreve-se um belo texto.

Poeta só é grande quando sofre.

Bjo!

hpaulista said...

Sempre maravilhoso, criativo e poético. Quisera eu saber me expressar assim. Parabéns.
abç

Tiago said...

Simplesmente sensacional o post!

Incrível como vc conseguiu expressar que é nas pequenas coisa que Deus pode estar falando conosco!

Espero vc no meu novo blog!

Tiago Conselheiro
(embuscadeumconselho.blogspot.com)