Wednesday, March 09, 2011

Eu quero ser arte moderna.

Dizem que os olhos só vêem aquilo que querem ver.
Eu acredito que os olhos da grande maioria só vêem aquilo que é facilmente entendível, simples, medíocre.

Para a grande maioria das pessoas, tentar “ver além” é um grande esforço. “Ver além” daquilo que é mostrado é algo difícil demais para que as pessoas queiram tentar.

Pessoas querem ser algo simples, para que outras pessoas queiram tentar.
Pessoas querem ser “apenas” enquanto eu quero ser mais.
Pessoas querem ser a poesia mais simples, a frase de efeito qualquer, o desenho mais simplificado.

Eu quero ser arte moderna, livro difícil, eu quero ser metáfora, quebrar sua cabeça, fazer você pensar, pensar em desistir, querer fumar. Eu quero ser algo que você tenha que ler, reler e fazer anotações.

Eu não me contento com o pouco e nem em ser pouco.

Eu te assusto.

Eu já li mais do que a maioria das pessoas lêem em uma vida. Eu já vivi mais do que você viverá. Eu já senti coisas que a maioria das pessoas não se permite sentir.

Eu não me contento com pouco.
Eu serei o enigma que diz “decifra-me ou te devoro”.

Já devorei mais pessoas do que você jamais conseguiria imaginar.

3 comments:

hpaulista said...

Talvez vc nao precise ser tudo isso. Talvez vc ja seja.
Adorei, como sempre.
abç

hpaulista said...

Corrigindo:
Talvez vc nao precise QUERER SER tudo isso. Talvez vc ja seja.
Adorei, como sempre.
abç

Greco said...

belo texto...abs

Greco.