Sunday, April 25, 2010

Um protesto.

Estou cansado de gente magra e “bonita” se dar bem em tudo.
Gente bonitinha pode cantar mal, ser um péssimo ator, ser bem burrinho e nós não vamos nos importar, pois bem, pra mim chega! Estou cansado de valer menos do que um “colírio” da capricho.

Não estamos cansados de ficar vangloriando barrigas de tanquinho, quando nós mesmos, em grande maioria não somos sexy ou saradinhos?

Acho triste que certos valores estejam aparecendo tão cedo numa sociedade em formação. É isso que queremos passar para os nossos jovens? A gente não liga, não é? Não, não damos a mínima.

Pra mim chega de barriga sarada e cérebro vazio! Chega!

Querida gordinha de óculos, ou gordinho viadinho, tem uma coisa que vocês precisam saber: Eles nunca vão querer nada com vocês. Eles vão te odiar, ou pior, vão te tratar com pena, e acreditem: Ninguém é digno de pena.

Então se você é uma gordinha desengonçada, ou um gordinho reprimido, preste bem atenção: Tenha um português impecável, saiba tudo sobre os filósofos clássicos, e um dia, se você tiver o azar de se deparar com um “colírio” discuta com ele a questão do belo; ao menos tente.

Sejamos inteligentes e elegantes e nunca, NUNCA, confundamos beleza com vulgaridade! Barriga de tanquinho e cabelos loiros não te tornam uma pessoa bonita.
Nós não aprendemos nada com a Madonna em Vogue?
“Beauty is where you find it”.

Fora os exemplos que ela dá: Greta Garbo, Monroe, Dietrich, Di maggio, Marlon Brando, Fred Astaire... De quem nós vamos falar agora? Eu me reservo o direito de não saber o nome de nenhum colírio, ok? Mas vocês entenderam.
Paremos e voltemos atrás! Ainda dá tempo.

Elegância, beleza e suavidade já!

3 comments:

Antonio de Castro said...

sei lá.

queria ver um outro txt seu q essa idéia se repitisse.

tenho a impressão q é passageiro.

-

Carlos said...

Perfeito! show de bola é isso mesmo. Me encaixo nos gordinhos viadinhos, sabedoria tem que ser tudo mesmo.Deixa eu me jogar nos livros.
Abração!
=D

Mauri said...

Concordo com se ponto... mas eu sou loiro e me senti estereotipado.

Humpf.
Bj.