Saturday, July 30, 2011

Mais um

Maldita dor no peito.
Que nem se vai nem se transforma.
Nada se cria, tudo se copia.
Sou a cópia do clichê do filme da sessão da tarde.
E até que a dor vá embora
Eu a encaro de frente.
Que deus tenha piedade da minha alma.

1 comment:

hpaulista said...

Poxa... :(
Mas nao se preocupe, Ele sempre tem!
abç