Monday, October 06, 2008

De repente 30

Começo a achar que talvez, talvez eu consiga ser bem feliz quando eu tiver 30 anos. Estou começando a gostar um bocado da idéia.
Acontece que eu estou ficando um saco, estou consciente, sóbrio e são. Sei, por exemplo, sem nunca ter lido nenhum livro de auto ajuda que o destino não é responsável por tudo que acontece na minha vida. O destino me dá escolhas, do tipo a) ou b), e eu sou responsável pelas escolhas que faço.
Fiz as contas com o meu psicólogo, se eu continuar me apaixonando por homens só porque eles são bonitos eu vou ficar louco bem antes dos trinta, talvez ano que vem. Façamos a matemática:
Se existem no mundo umas 6 bilhões de pessoas e vamos supor que metade sejam homens, e metade dos homens do mundo é minimamente interessante, então temo 1,5 bilhão de homens. Vas vamos supor que esse meio bilhão seja gay e que metade dos gays seja interessante, e metade dessa metade seja realmente muito interessante, ok, é um calculo impreciso, mas eu posso me apaixonar por 125 milhões de homens e sofrer pra caramba se eu não começar a me cuidar, e vou morrer cedo e com rugas precoces.
Daí eu decidi que ficar sozinho por um bom tempo talvez não seja tão ruim assim, afinal, eu tenho que entrar no meio desses 125 milhões de homens gays minimamente interessantes que eu hipoteticamente acho que existam.
Então como eu estou malhando, pode ser que com 30 anos eu faça com que algumas pessoas se sintam realmente interessadas por mim, o que pode ser triste se eu começar a pensar que eu não sou só um corpo, eu espero pelo menos não ser só um corpo bom, e garanto que malhar faz efeito!
Aliás, estou ficando meio heterossexual por causa disso, decidi que estou com braços muito grandes para ser muito gay. Nada contra bichas de braços enormes, mas na minha cabeça a bichice não condiz com os braços, a proposta é outra, já tem gente com muita raiva de mim, porque agora eu sou sóbrio, são e macho!
Sempre fui um pouco macho, e assim que arrumar um emprego vou começar as aulas de surfe e de violão e acho que vou virar um Jack Johnson meio gay.
Eu ando realmente pensando em estudar e teorizar e voltar a ler pra caralho! Estudar muito e viver por ai fazendo pós graduações e mestrados e ganhando dinheiro pra ser foda e chato e dizer que não tenho tempo para namorar porque estou muito ocupado me mantendo ocupado para não ter tempo para namorar.
Então eu acho que com 30 anos eu vou ser bonito, inteligente e minimamente interessante para muita gente, e acho que nunca vou casar, enfim, eu aprendi, sem nunca ter lido o segredo que eu sou a chave para a minha felicidade, e que ela não depende dos outros e blá blá blá, eu só me preocupo que talvez, se eu continuar assim, eu fique realmente muito chato quando eu tiver 30 anos.


Eu só queria dizer pra Daphne que ela é sim um personagem da Disney!

14 comments:

Goiano said...

HAHAHAHA

esse seu texto so tem um equivoco: VOCE JA É UMA DAS PESSOAS MAIS INTERESSANTES QUE EU CONHECO

nao precisa chegar aos 30.

bjos

danielleribeiro said...

eu concordo com o moço de cima que diz que voce JÁ É uma pessoa interessante que ele conhece, e que eu to conhecendo por agora e espero conhecer mais... imaginei isso filmado, eu como amante do cinema, peso tanto em coisas interessantes como as tuas em filmes, experimentações supra poeticas... ah menino, um beijo-abraço!!! e vamos as pernocas!!!!!

Cais da Língua said...

huhuuuuuu
adorei a maneira com a qual você leva a vida...
Acredito que pessoas assim vão longe
com certeza voltarei aqui mais vezes
...

Gê Stelmach said...

Hahahaha depois que li o texto reparei no título, muito bom.

Gui Sillva said...

recomeçar a cada dia deve ser um dos segredos. seja com 20 ou 30.

primeira vez aqui.
adorei.
abração
gui

Râzi said...

Bruno, eu sei que vc é surtado, mas surtos matemáticos me assustam! hauhauahauahauahua!

Bem, o que dizer?

Beijão!

Tanta Coisa! said...

uau cheio de boas, ainda que meio neuróticas, perspectivas. Pois eu fiz recentemente 31. Aos 30 já não dá, mas quem sabe aos 35 eu não me torno um cara ainda mais interessante? Vou trabalhar nisso...

diogo said...

Todo mundo fica chato. Mas, pode ser que aos trinta, você descubra que a sua chave da felicdade ainda é secreta e que você errou quando achou que a tinha descoberto. Ou não. Grande CV!

Beto said...

O texto faz parte da minha vida sempre em alguns momentos... mas eas vezes é melhor não levar tão a risca!!! ou então podemos endurecer de mais!!!!
adoro seu blog cara!!!
bjos

.

andróide said...
This comment has been removed by the author.
andróide said...

amiog...
naum entendi a vergoniä...
LIBERA JERAU AE MEU!111
Estoy mais near da idade del ouro than vossa mercê...
Seja felizx
por tudo
o tempo
as horas...

Alm_ said...

esperar é uma merda, mesmo quando a gente sabe no que vai dar...

jhulyjohns said...

Oi... Deixei um selinho de presente lá no blog. É em homenagem aos amigos da blogosfera que fazem a gente ter vontade de visitar sempre que possível! É o selo Criança Grande. Pode repassar aos blogs que você quiser, ou pode ficar só pra você. Um beijo!

Selo: http://jhulyjohns.blogspot.com/2008/10/selinho-de-criana-grande.html

- Peter said...

hahahaha. Adorei o cálculo.
e você é interessante. Então, aos 30 você será minimamente ou "máximamente" muito interessante.
E nada de livro de auto-ajuda...
hehe

Beijão